quarta-feira, 21 de maio de 2014

Orações de Agradecimento



Um Agradecimento Silencioso
Lucas 7.36-50

Nenhuma palavra foi proferida em um dos mais eloquentes exemplos de agradecimento da Bíblia. Jesus está junto a mesa do jantar, na casa de um proeminente fariseu, e seus lideres religiosos locais o importunam com perguntas. Uma mulher descrita como imoral (Lc 7.37) olha, e começa a chorar. Ela se ajoelha no chão junto a Jesus, com lágrimas correndo, como chuva, sobre os seus pés, lavando a poeira da estrada, em linhas desordenadas. Envergonhada, ela tenta apagar as linhas com seu belo cabelo comprido. De repente, ela faz algo tão extravagante, que os fariseus ficam chocados. Ela abre um encantador jarro de alabastro, cheio com um caro bálsamo perfumado, e derrama todo o seu conteúdo sobre os pés de Jesus

As lágrimas contam a História
O anfitrião do jantar, que era um fariseu, olha com desgosto a cena diante de si. A sua opinião sobre esse Jesus decresce um ou dois pontos. Certamente, se Jesus é quem diz ser, não permitiria que esta mulher pecadora se aproximasse dele! Jesus sabe exatamente o que o anfitrião esta pensando. Ele conta uma história, e então observa que o anfitrião não lhe havia dado nem mesmo água para lavar os seus pés, que era o costume usual para convidados. Mas esta mulher pecadora cuidou dessa tarefa, com suas lágrimas de gratidão.

Os eminentes participantes do jantar provavelmente haviam estado ocupados, fazendo a Jesus perguntas teológicas e ouvindo atentamente as respostas do Professor. Eles estão envolvidos em discussões sobre o assunto da fé, fazendo indagações astutas, discutindo importantes idéias religiosas entre os próprios colegas instruídos. Mas eles não percebem quem é o seu convidado, na realidade. Em lugar de considerar Jesus como uma pessoa viva, eles o tratam como um conceito religioso ou um índice ambulante. O fato de que Ele era o Filho de Deus, que havia deixado a glória do céu e permitido que os seus pés ficassem cobertos com o pó de seu mundo inferior não parece penetrar em seus corações insensíveis.

Um Extravagante Presente de Agradecimento
Mas esta mulher pecadora entendeu tudo. Ela veio preparada para dar a Jesus um presente de agradecimento que vale um ano de seus salários. Talvez ela tivesse originalmente planejado dar a Ele o jarro, com palavras de agradecimento pelo que Ele fizera em sua vida. Mas quando ela o vê, o seu coração explode de gratidão, e ela derrama os seus mais profundos sentimentos, juntamente com as suas lágrimas, e o azeite de aroma suave. Jesus a elogia, como um exemplo de alguém que entende o quanto fora lhe perdoado, e é agradecido por isso. O seu ato, sem palavras e pungente, revela claramente a profundeza da gratidão que há em seu coração.

(Bíblia C. Oração)