terça-feira, 2 de setembro de 2014

O perdão que liberta...



Quero falar um pouco sobre Perdão.
Eu estava pensando esses dias sobre o significado real desta palavra.

Segundo o dicionário português perdão é:

Remissão dos pecados.
Ação de se livrar de uma culpa, de uma ofensa, de uma dívida; indulto.
Ação através da qual uma pessoa está dispensada do cumprimento de um dever ou de uma obrigação.
Expressão que se utiliza para pedir desculpa(s)

E um dos sinônimos do perdão é: GRAÇA.
Eu li a uns tempos atrás (e indico muito!) um livro do Max Lucado que fala sobre a Graça. Confesso que comprei mais por curiosidade de conhecer um pouco do autor, não tinha noção do tamanho da unção que existe na vida do Pastor Max. Foi o primeiro livro que comprei dele, e após isto virei fã de carteirinha.
O mais incrível é que não parece uma leitura "normal" é como se ele estivesse ali na tua frente pregando diretamente pra ti.

O livro GRAÇA, é o meu xodó, ele fala o tamanho do amor de Deus por nós, e em como não merecemos tal amor, e muito menos o sacrifício que ele fez na cruz por nós. Mas independente de "eu mereço" ou "eu não mereço"o Pr Max Lucado nos falar que Deus oferece o seu amor a nós, e que JESUS ofereceu a sua vida por nós, por GRAÇA. Simples assim. Um favor não merecido.

E quando eu li a tradução no dicionário da palavra perdão, algo mexeu dentro de mim.
O sacrifício de Jesus na cruz, foi a forma mais sublime de perdão. Naquele sacrifício Ele estava dizendo "pronto vocês estão dispensados dessa dor, durmam com a consciência limpa porque eu assumi a divida. Está paga!".
Ele estava nos libertando de toda culpa, demonstrando isto em forma de oferta.


É dificil, perdoar né? É dificil pedir perdão também, principalmente quando não somos culpadas.
Mas muitas vezes é necessário liberar perdão para que a vida continue seguindo nos eixos.
O perdão aprisiona não quem precisa recebê-lo mas quem precisa liberá-lo. Você simplesmente fica preso a magoa, e não consegue avançar, é como um cachorro correndo atrás do próprio rabo, já viu? É engraçado não é? Pois é, quando você não libera o perdão, é assim que a sua vida segue, parece que está andando mas na verdade está andando em círculos.



As pessoas muitas vezes NÃO merecem o teu perdão, mas você tem de oferece-lo mesmo assim. Porque o perdão é um favor não merecido. Assim como a graça de Deus, que alcança a todo o mundo. Até mesmo pessoas que não o querem, pessoas que negam a existência de um Deus.

A palavra grega traduzida como "Perdoar", significa cancelar/remir.
Nós somos pecadores por natureza e constantemente erramos, portanto, estamos em divida com o Senhor diariamente. Mas Jesus, com o seu sacrificio lá na cruz cancelou a nossa divida perante Deus.
Nós fomos e somos perdoados por Deus, o que não significa que Deus esquece o nosso pecado, Ele nos liberta da obrigação de cumprir com a punição por que alguém (Jesus) assumiu a culpa. No entanto, o perdão de Deus é condicional, como? Ele libera o perdão desde que sejamos fiéis e haja um verdadeiro arrependimento e uma transformação (ou seja, mudança).

Deus, nos convida a perdoar como Ele nos perdoa. E quando digo que você deve perdoar como Deus, não estou dizendo para você simplesmente esquecer o que lhe fizeram, mas estou afirmando que você deve LIBERTAR o "pecador" da culpa, você deve cancelar a divida dele e seguir em frente, sem ressentimentos.
Você até lembra do que aconteceu, mas o ocorrido não lhe causará mais dor, porque você estendeu graça sobre outra pessoa.



Quantas vezes eu devo perdoar?

"Acautelai-vos. Se teu irmão pecar contra ti, repreende-o; se ele se arrepender, perdoa-lhe. Se, por sete vezes no dia, pecar contra ti e, sete vezes, vier ter contigo, dizendo: Estou arrependido, perdoa-lhe" (Lucas 17:3-4)

Eis a resposta!

Algo importante que devemos ter em mente é que por mais que recebamos o perdão da parte de Deus, não quer dizer que não sofremos as consequências do erro cometido.
Nós somos SIM perdoados e liberados da culpa, mas ainda assim devemos assumir os nossos erros e enfrentar as consequências.
Nos prendemos a palavra que diz que nossos pecados são lançados no mar do esquecimento, e achamos que por isto nossa vida será só ALEGRIA e FESTA. Deus perdoa, e "esquece", mas você não pode esquecer que Deus é justo também. Um assassino, pode receber perdão de Deus, mas ainda assim sofrerá as consequências, tendo que cumprir com a punição humana, passando o resto dos dias numa prisão. O que eu quero dizer é, o perdão divino cura o nosso interior e nos liberta de uma prisão ESPIRITUAL.

Um beijo, Ady